>-->

Eu só vim ficar triste com você

By | 06:33 Leave a Comment

Sete de setembro é dia de seu aniversário, meu querido amigo. E todo ano sinto tua ausência. Neste não sentirei, sei que estará comigo vendo nosso destrambelhado e querido Botafogo sentado ao meu lado no Maracanã- todo ano o Botafogo joga por ti em seu aniversário, e vence em meu coração. Partiste cedo demais, meu doce amigo Tiziu, deixando-me uma saudade, uma falta, que não passa. Digo sempre que saudade é o tempo que não passa dentro da gente. Foram anos e anos compartilhando as dores e alegrias do nosso Botafogo e da vida. E assim, sem nenhum aviso, você se foi, mais uma vítima de uma bala  perdida que te achou bebendo um Nadir Figueiredo cheio de alegria (Nadir Figueiredo é a marca do copo onde o Tiziu bebia sua alegria- cachaça) em um boteco qualquer da vida.
Como esquecer, amigo velho, o dia em que eu estava sozinho e muito triste sentado na praça e você chegou, sentou-se ao meu lado sem dizer uma palavra e ali ficou, quietinho. Passado um tempinho eu pergunto:
- O que está fazendo aqui?
- Nada... Eu só vim ficar triste com você.
E ficou ali, triste comigo. Passado mais um tempo você me abraça e diz:
- Agora chega de ficar triste, vamos lá no Papai Serafim beber um Nadir Figueiredo cheio de alegria!
Ah, amigo, sinto muito sua falta. Mas amanhã, como todo ano, estaremos juntos no velho Maracanã. Você com sua alegria infinita, torcendo para o nosso Glorioso. E beberemos em um Nadir Figueiredo cheio de alegria para comemorar seu maior presente de aniversário: uma vitória de nosso amado  e atrapalhado Botafogo.
Depois o de sempre: Saudade!... Eterna e terna saudade de ti, amigo querido.

Eu só vim ficar triste com você

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: