>-->

Pesquisa confirma que torcer para o Flamengo é doença genética

By | 10:02 Leave a Comment
Uma pesquisa realizada por geneticistas da respeitabilíssima Universidade de Harvard (pesquisa para ter credibilidade só se for feita lá) confirmou um velho dito popular brasileiro que afirma que "todo torcedor do Invencível Mengão é doente".
Os cientistas, após analisarem o DNA de 3.231, 24 pacatos e ordeiros torcedores danação, quer dizer, da NaSSão, descobriram uma sequência genética defeituosa que age atrofiando o cérebro de seus portadores em 99, 97% dos casos estudados. Pior, o gene defeituoso- que batizaram de urubutis-grandiosus-  torna seus portadores mitômanos e egocêntricos. Os infelizes passam a acreditar que tudo que envolva seu pacato simpático e cordato clube seja maior e melhor que o dos outros. É uma mutação do mesmo gene que afeta os argentinos.
Segundo os cientistas a doença ainda não tem cura, mas vão continuar pesquisando para salvar os milhões de brasileiros que sofrem com tão triste falha genética.

Obs: Se algum portador do gene urubutis-grandiosus, inconformado com a notícia, quiser me xingar, não tem problema, só peço que leiam as regras para xingamentos aqui: Um pedido aos torcedores do Flamengo que me xingam

Pesquisa confirma que torcer para o Flamengo é doença genética
                                                                          
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: