>-->

Aniversário do Jilozinho quase terminou em tragédia

By | 15:54 Leave a Comment
Aniversário do Jilozinho quase terminou em tragédia
Essa aconteceu na comemoração de aniversário de 30 anos do Jilozinho, acho que em 1990.
A turma toda reunida no bar do Faísca. Lá pelas tantas  aparece um bolo meio que troncho, com umas 10 velas dessas brancas de pagar promessa o enfeitando.
Botaram o bolo em cima da mesa e, quando íamos começar a cantar os parabéns em homenagem ao Jilozinho, o Adezio sugere: “É melhor um de nós segurar o bolo na altura da cara do Jilozinho, pois “fardado” do jeito que ele já tá, se abaixar a cabeça pra soprar às velas vai vomitar em cima do bolo!”
Totó, como melhor amigo do Jilozinho, foi o encarregado da infausta tarefa. 
Por muito pouco não ocorreu uma tragédia de grandes proporções: ao soprar as velas, devido ao excesso de álcool ingerido pelo Jilozinho, uma labareda de fogo lambeu o rosto do Totó de cabo a rabo.
Por sorte as lentes do óculos dele são mais grossas que vidro de carro blindado e protegeram seus olhos do fogo. Tirante as sobrancelhas e o bigode devidamente chamuscados pelo fogacho, nada de mais grave aconteceu ao bom Aristides e a comemoração prosseguiu, com todos rumando para a guacha ( puteiro, porra! ) em Bom Jesus do Itabapoana, cidade vizinha a São José do Calçado. 
Foi uma noite gloriosa...

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: