>-->

As confusões de um terceiro-idosinho folgado e encrenqueiro (VII, eu acho)

By | 10:56 Leave a Comment
As confusões de um terceiro-idosinho folgado e encrenqueiro (VII)
Fui caminhar com gosto de tábua de chiqueiro na boca. Culpa do Botafogo e suas botafogadas.
Quando estou passando em frente à obra de um pequeno shopping, que vai ser inaugurado depois de amanhã (30), me deparo com 3 funcionários da empresa responsável pela obra dando um "brilho" na calçada. Um segurava uma mangueira (calma tricolores!), outra manobrava uma espécie de enceradeira, enquanto uma mocinha direcionava a água para o trambolho rotativo segurando a ponta da mangueira- eu disse ponta, não cabeça, seus maledicentes. Nossa ineficiente burocracia não é apenas estatal.
Parei, olhei a cena, me aproximei e, educadamente, como é de bom tom em um nobre lindo, gostoso, genial, porém humildoso, como este Barão, me dirigi a eles:
- Bom dia! Eu sei que vocês estão apenas cumprindo ordens, mas é um absurdo, com o racionamento de água que Brasília enfrenta devido à severa seca que vivemos, alguém ficar a desperdiçar água lavando calçada, não acham? Olha só, avisem ao jumento que mandou vocês fazerem isso que vou até ali em cima terminar minha caminhada. Volto em uns 15 minutos, se continuarem vou chamar a Delegacia do Meio-Ambiente e vamos todos passar o dia lá...
Pararam foi na hora!
Minha vontade mesmo era denunciar o Botafogo. Saco... alvinegro!
P.S: Gosto de tábua de chiqueiro é uma termo que usávamos em minha São José do Calçado(ES) para dizer que estamos com gosto amargo na boca, geralmente quando de ressaca. É que antigamente construíam-se chiqueiros com uma madeira, da qual não lembro o nome, que tinha gosto amargo e, por isso, não eram roídas pelos porcos. 

As confusões de  um terceiro-idosinho folgado e encrenqueiro

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: