>-->

Renan Calheiros, um canalha misógino e mentiroso

By | 11:37 Leave a Comment
Vejam na cópia do Twitter de Renan Calheiros (no quadro abaixo) o nível, ou melhor, a falta de nível de um sujeito que já comandou o Senado por 4 vezes.
Além de profundamente grosseiro e misógino, Renan é um contumaz mentiroso. Nunca foi fiel à sua esposa, tinha uma amante, Mônica Veloso, com quem, inclusive, tem uma filha. Ambas eram "bancadas" por uma empreiteira. Quando o escândalo veio à tona, Renan renunciou à Presidência do Senado para não ser cassado por seus pares.
São políticos como Renan, sem nenhum espírito público ou escrúpulo, que levaram o Brasil ao caos que se encontra hoje. Renan, ao lado do patriarca da corrupção nacional, Zé Sarney- que é um ser tão desprezível e egoísta, que nem a alegria de morrer dá aos brasileiros-, é o símbolo maior do Brasil corrupto, fisiológico e patrimonialista que temos de enterrar bem fundo na latrina da História.
Essa escumalha não é nem de direita, nem de centro, nem de esquerda... A ideologia deles se mede no tamanho dos saques aos cofres públicos que cometem, impunemente, diga-se de passagem. 

Vejam na cópia do Twitter de Renan Calheiros no quadro abaixo o nível, ou melhor, a falta de nível de um sujeito que já comandou o Senado por 4 vezes.  Além de profundamente grosseiro e misógino, Renan é um contumaz mentiroso. Nunca foi fiel à sua esposa, tinha uma amante, Mônica Veloso, com quem, inclusive, tem uma filha, que era "bancada" por uma empreiteira. Quando o escândalo veio à tona, Renan renunciou à Presidência do Senado para não ser cassado por seus pares. São políticos como Renan, sem nenhum espírito público ou escrúpulo, que levaram o Brasil ao caos que se encontra hoje. Renan, ao lado do patriarca da corrupção nacional, Zé Sarney- que é um ser tão desprezível e egoísta, que nem a alegria de morrer dá aos brasileiros-, é o símbolo maior do Brasil corrupto, fisiológico e patrimonialista que temos de enterrar bem fundo na latrina da História.  Essa escumalha não é nem de direita, nem de centro, nem de esquerda... A ideologia deles se mede no tamanho dos saques aos cofres públicos que cometem, impunemente, diga-se de passagem.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: