Sol de primavera

Muitos se perderam no caminho...eu fui um, do  caminho que sonhamos juntos, nada sobrou, a não ser a dor de ver sonhos virarem pesadelos,...




Muitos se perderam no caminho...eu fui um, do  caminho que sonhamos juntos, nada sobrou, a não ser a dor de ver sonhos virarem pesadelos, do mundo fraterno que sonhamos juntos, ao mundo fatricida que vivemos hoje...o mundo do eu, do egoísmo extremado, do vencer a qualquer custo, como se vencer fosse só acumular dinheiro, carros, imóveis...me perdi pelo caminho de sonho...me perdi em noites sem-fim de amores fúteis e dores-muitas...me perdi tanto, que me perdi de mim, errei o caminho...caí em buracos, curvei curvas sem fim...me perdi na escuridão do túnel...só me resta aprender tudo novamente...se ainda houver caminho...tempo e lágrimas...


Obs: A música é Sol de primavera de Beto Guedes.
Zatônio, mas conhecido como Zé

Sou Botafogo e cético, o resto não sei...
Leia Mais sobre o autor

Postar um comentário Blogger

  1. Oi Zé,
    Vim te visitar e encontro esta música que gosto e que fazia tempo não ouvia!
    Boa noite!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Sempre haverá "caminho... tempo e lágrimas..." se houver vontade de caminhar... e se perder no caminho pode não ser tão ruim, pois é possível experimentar a alegria do reencontro.
    Um abraço

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Acompanhe!

.

Curta nosso Facebook

Assine via email e acompanhe

Recomende este site no Google

Google+ Followers

Translate

Divulgue

Interrogações - Blog sobre humor, futebol e política
item