>-->

Sem provas, sem esporro

By | 10:33 Leave a Comment
- Seu canalha! Outra vez me chega de madrugada, bêbado e fedendo a perfume de vadia!
- Você está me acusando sem provas! Onde estão as garrafas das bebidas que você tá dizendo que eu bebi? E o vidro do perfume da tal vadia? Sem provas, sem esporro! Vou dormir...

- Seu canalha! Outra vez me chega de madrugada, bêbado e fedendo a perfume de vadia!  - Você está me acusando sem provas! Onde estão as garrafas das bebidas que você tá dizendo que eu bebi? E o vidro do perfume da tal vadia? Sem provas, sem esporro! Vou dormir...

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: